Travel

Tipos de visto para a Irlanda: quais são e como funcionam?

Alguns países ao redor do mundo exigem vistos de brasileiros, seja para passear, trabalhar ou estudar. Já, outros países não exigem visto para passear, mas exigem para trabalhar. Nas próximas linhas vamos te contar quais são os tipos de visto para a Irlanda e como eles funcionam!

Antes de pensar em se aplicar para algum tipo de visto para a Irlanda (ou qualquer outro país) é importante saber qual seu objetivo. Você deseja estudar idiomas? Quer apenas passear por alguns dias? Pretende estudar idiomas por mais tempo e trabalhar para se manter? Deseja fazer uma graduação ou pós? Cada visto tem uma função, por isso é importante ter claro quais são seus objetivos.

Tipos de visto para a Irlanda

A primeira informação que você precisa saber é que nenhum dos tipos de visto para a Irlanda necessita ser pedido previamente a chegada ao país. A segunda informação importante diz respeito aos documentos essenciais para solicitar a maioria dos vistos da Irlanda, são eles:

  • passagem de volta
  • passaporte válido por, no mínimo, seis meses (após a data de regresso)
  • reserva em hotel/hostel ou carta-convite
  • comprovação financeira para se manter durante a viagem

Vamos à lista com os principais tipos de visto para a Irlanda?

tipos de visto para a Irlanda

O passaporte é documento obrigatório.

Visto de turista

Atualmente, cidadãos brasileiros que desejam passear ou estudar, por até 90 dias, não precisam de visto. É aconselhável que tenham em mãos os documentos citados no tópico anterior. Importante ressaltar que não é permitido trabalhar (seja o trabalho remunerado ou não).

Leia também:
– Intercâmbio em Londres ou Dublin: qual é o melhor destino?
– Quanto custa um intercâmbio na Irlanda?

Lembrando que, cidadãos brasileiros também podem permanecer por até 90 dias passaeando ou estudando nos países que são signatários do Acordo Schegen, sendo que esse tempo não entra na contagem dos 90 dias da Irlanda.

Visto de estudos com permissão para trabalhar – Stamp 2

Para se aplicar para esse tipo de visto para a Irlanda é preciso

  • estar matriculado em um curso de idiomas com duração mínima de 25 semanas e carga horária de, pelo menos, 15 horas semanais. A instituição de ensino precisa ser aprovada pelo governo irlandês.
  • comprovar o pagamento do curso e apresentar uma carta da escola. Além disso, a escola deve possuir o Learner Protection.
  • fazer o seguro governamental obrigatório.
  • comprovar que possui 3.000 euros.
  • pagar uma taxa de 300 euros para ter o registro do Irish Residence Permit
  • apresentar comprovante de residência, sendo que não pode ser hotel ou acomodação estudantil.

O estudante entrará no país como turista e após juntar todos os documentos citados acima deverá agendar horário na imigração para fazer a aplicação do visto. Se o pedido do Stamp 2 for aprovado, o intercambista poderá ficar na Irlanda por 8 meses, desde que frequente as aulas.

Tipos de acomodação para intercambistas

Outro detalhe importante é que esse visto permite a renovação por duas vezes, ou seja, o estudante poderá permanecer no país por até 2 anos, desde que continue estudando.

A permissão para trabalho é diferente do visto de trabalho, sendo que ela permite o trabalho, em qualquer setor, desde seja respeitada a carga horária máxima. Via de regra, o estudante poderá trabalhar por até 20h semanais, se quiser. Sendo que nos meses de junho a setembro e de 15 de dezembro a 15 de janeiro poderá trabalhar até 40h por semana.

Visto de trabalho – Stamp 1

O Stamp 1 é um dos tipos de visto para a Irlanda mais desejados por brasileiros e pode ser subdivido em duas categorias, o General Employment Permit e o Critical Skills Employment Permit ou Green Card!

Para se aplicar para esse visto o cidadão brasileiro precisará ter um contrato de trabalho com alguma empresa irlandesa. Assim, primeiro é necessário conseguir o emprego e depois se aplicar para o visto.

São elegíveis para o Critical Skills Employment Permit ou Green Card aqueles profissionais que trabalham em áreas importantes para o crescimento da Irlanda, cujo setor apresenta escassez de mão de obra qualificada (necessário diploma universitário). Para ilustrar, a lista de carreiras inclui engenheiros, paramédicos, profissionais de TI, enfermeiros, dentre outros prossionais.

Já, o General Employment Permit é mais flexível, sendo que engloba profissionais de diversas áreas. Para ser elegível é preciso que o salário anual seja de, no mínimo, 30.000 euros, mas há exceções. O estudante que estiver no país com o Stamp 2 pode se aplicar para ele e não precisa deixar a Irlanda para fazer a solicitação.

Visto de permanência – Stamp 4

O Stamp 4 é um dos tipos de visto para a Irlanda. Ele concede a permanência no país por determinado tempo, que vem especificado no visto. Via de regra, são elegíveis para esse tipo de visto os cidadãos não europeus que sejam cônjuges de cidadão irlandês ou familiar de um cidadão que faça parte da zona do Euro.

Além disso, ele é concedido a refugiados ou profissionais que atuam em algum área necessária pela Irlanda e que tenham uma proposta de emprego.

Stamp 1G

É um dos tipos de visto para a Irlanda que permite o trabalho. Ele foi criado com o objetivo de atingir os estudantes recém formados em cursos de nível de diploma superior, pós-graduação ou doutorado. O estudante terá permissão para trabalhar por até 40 horas semanais, sendo que o visto tem duração de até 1 ano.

tipos de visto para a Irlanda

Trinity College, a faculdade mais famosa do país.

Caso tenha alguma dúvida sobre os pré requisitos ou queira pesquisar outros tipos de visto para a Irlanda, acesse o site do Irish Naturalisation and Immigration Service (INIS), que é o serviço de imigração do país. Não confie em fontes não oficiais. O visto que deu certo para um colega ou amigo pode não ser o melhor visto para você, procure ajuda de quem é especialista no assunto.

Leia também:
– Dicas para aprimorar o inglês antes do intercâmbio
– Residência estudantil: prós e contras da acomodação!

Pronto! Agora você já sabe quais são os tipos de visto para a Irlanda e pode escolher para qual vai se aplicar! Se tiver alguma dúvida, deixa aí nos comentários ou conversa com algum de nossos especialistas! Nosso objetivo é te ajudar em todas as etapas do intercâmbio!

Até mais!