Ensino superior

Perguntas e respostas sobre a lista de critical skills da Irlanda

Arrumar um bom emprego fora do seu país de origem não é uma tarefa fácil, ainda mais se você não possui dupla cidadania. Mas sabia que na Irlanda certas profissões tem prioridade e o governo facilita o preenchimento das vagas por estrangeiros? Nas próximas linhas vamos te contar mais sobre a lista de critical skills da Irlanda e como ela pode te ajudar a conseguir um visto e trabalhar legalmente no país!

Primeiramente, cabe esclarecer o que é a lista de critical skills da Irlanda. A lista contém profissões que são extremamente importantes para o desenvolvimento do país e que não possuem mão de obra suficiente, sendo que elas podem ser ocupadas por profissionais estrangeiros.

Segundo o site do governo irlandês, o objetivo é atrair para o mercado de trabalho os profissionais altamente qualificados com o intuito de encorajá-los a morar permanentemente no país.

Perguntas e respostas sobre a lista de critical skills da Irlanda

A lista de critical skills da Irlanda muda sempre, sendo que geralmente o governo faz uma atualização anual. Contudo, pode ser que ele decida incluir ou retirar profissões a qualquer momento. Por isso, é interessante ficar de olho nas atualizações!

lista da critical skills da Irlanda
Indicações são uma excelente maneira de conseguir o primeiro emprego, caso não tenha uma habilidade da critical skills list.

Quais são os pré-requisitos para obter o visto pela lista de critical skills da Irlanda?

O governo facilitou bastante a aplicação do visto para quem trabalha em alguma das áreas que estão na lista, mas ainda exige alguns pré-requisitos. O primeiro deles é ter uma proposta de trabalho, sendo que é preciso receber um valor mínimo a título de salário (ele pode variar de acordo com a profissão).

Outro pré-requisito é que a proposta de emprego tenha sido recebida, no mínimo, 12 semanas antes do início do trabalho. Por fim, ela a proposta deve ter duração de pelo menos 2 anos, sendo que o trabalhador precisa permanecer no emprego por, no mínimo, 1 ano.

Tanto o empregador quanto o candidato podem entrar com o pedido de aplicação para o visto de trabalho da lista de critical skills da Irlanda. Será preciso preencher um formulário, pagar uma taxa de 1.000 euros (sendo que se o pedido for negado, o governo devolve 90% do valor pago) e enviar alguns documentos, como foto, cópia do diploma e certificados dos cursos.

Leia também:
Quanto custa uma faculdade na Irlanda?
8 motivos para cursar ensino superior na Irlanda após o curso de idiomas

O candidato que não tem formação superior pode se beneficiar da lista?

O estrangeiro que não tem formação superior pode fazer uma faculdade na Irlanda e se beneficiar da lista de critical skills. O governo, inclusive, criou o visto Stamp 1G com o objetivo de atingir os estudante universitários recém formados em cursos de nível de diploma superior, pós-graduação ou doutorado. Tais estudantes poderão trabalhar por até 40 horas semanais, sendo que o visto tem duração de até 1 ano.

Isso dá a oportunidade para o intercambista encontrar um emprego na sua área de formação e se aplicar para o visto de trabalho, sendo possível tanto a General Permit ou a Critical Skills Employment Permit. A principal diferença entre as duas permissões é o nível de qualificação/especialidade dos empregos, sendo que a General Permit autoriza trabalhadores de qualquer área a trabalhar no país.

Além de se beneficiar da lista, o brasileiro que cursar uma faculdade na Irlanda, se decidir voltar para o Brasil, terá um grande diferencial no curriculo, que o colocará na frente da maioria dos candidatos. Dessa forma, cursar o ensino superior no país é benéfico tanto para quem sabe que quer morar por mais tempo na Irlanda, tanto para quem ainda está em dúvida se, no futuro, voltará para o Brasil.

Lista da critical skills da Irlanda
Algumas profissões que estão na lista de critical skills da Irlanda.

O estudante que estiver cursando faculdade na Irlanda poderá trabalhar?

Sim, as regras são as mesmas da aplicação para o visto de estudos de idiomas. Assim, o estudante terá direito a trabalhar 20 horas semanais, sendo que durante as férias poderá trabalhar integralmente, ou seja, 40 horas semanais.

É possível conseguir um emprego, cuja profissão esteja na lista, sem falar inglês?

Dificilmente o estrangeiro que não falar nada de inglês vai conseguir um bom emprego assim que chegar na Irlanda, a não ser que ele já vá com alguma indicação. O mais comum é conseguir alguma colocação na área de subempregos, que poderá abrir algumas portas no futuro. Mas, para isso é preciso aprender o idioma.

O mercado de subempregos (garçons/garçonetes, camareiras, atendentes etc) está bem disputado, mas se o intercambista tiver determinação e for proativo ele conseguirá uma boa vaga, sendo que quanto melhor for seu nível de inglês, melhores serão os salários e colocações.

Em qual site posso pesquisar vagas de emprego na Irlanda?

Existem várias opções de sites. A CPL Jobs, por exemplo, é uma das maiores recrutadoras do país e disponibiliza vagas de trabalho de acordo com a área de atuação do candidato. Outros sites que divulgam vagas de emprego são o Irish Jobs, o Jobs.Ie e o Linkedin.

Aconselhamos, também, conversar com pessoas que já moram a mais tempo na Irlanda e que poderão te passar algumas dicas interessantes, mas é preciso ter cuidado com os conselhos recebidos para não entrar em nenhuma furada. Na dúvida, procure uma empresa idônea para te ajudar.

Curriculo
Faça seu curriculo de acordo com os modelos europeus.

Quais profissões estão na lista da critical skills da Irlanda?

De acordo com a lista mais recente, profissões na área de tecnologia da informação, engenharia, saúde, negócios e finanças estão com mão de obra escassa no país. Para ilustrar, temos os engenheiros elétricos, civis, mecânicos, os médicos de diversas especialidades, enfermeiros e farmacêuticos industriais.

Leia também:
Critical skills: melhores áreas para trabalhar na Irlanda
Faculdade na Irlanda: 5 opções de cursos de ensino superior!

Essas são algumas das perguntas e respostas mais frequentes sobre a lista da critical skills da Irlanda, mas se você ainda tiver dúvidas, deixa aí nos comentários ou manda uma mensagem pra gente! Nós podemos te ajudar a planejar seu intercâmbio de acordo com seus objetivos e orçamento!

Até mais!